Generalidades

Criando e distribuindo Android SDKs con Gitlab | Autor: Gabriel Marcos | luizalabs | Junio ​​de 2021

Gabriel Marcos

Entenda como criar e publicar um sdk, para compartilhar suas ferramentas entre aplicaciones android.

1*ylEGhwC5pWuIDLA4BEGSBg

Muitas vezes, nos deparamos com o seguinte problema: Como podemos reaproveitar funcionalidades jáexistentes, sem termos que duplicar todo o código.

Pensando nisso, resolvei desvendar alguns misérios que envolvem as criações de SDKs, e criar um pequeno guia para quem deseja desenvolver seu primeiro SDK.

Nesse guia abordaremos los seguintes tópicos:

  • O que são SDKs e para que servem?
  • O que iremos fazer?
  • Desenvolvendo nosso SDK
  • Distribuir kits de desarrollo de software

Kit de desarrollo de software, nada mais é, do que pequenas caixas de ferramentas que auxiliam no desenvolvimento e no reaproveitamento de código / funcionalidades.

Para ejemplificar melhor, vamos a utilizar como cenário a seguinte situação:

Actualmente, las grandes empresas están cada vez más expandidas y absorbidas por las marcas. Com isso temos cada vez mais a needidade de criar ferramentas, que possam ser compartilhadas entre aplicações.

E é aí que entram os SDKs, um conjunto de ferramentas de fácil integração que podem equalizar tanto serviços, quanto unificar una UI entre as identidades das aplicações.

Iremos utiliza una API de Endereço: https://viacep.com.br/. Com ela, a partir del CEP teremos algumas informações do endereçorespondente como: logradouro, bairro, etc …

Nesse guia iremos somente até a obtenção dos dados de um determinado endereço a partir de CEP, mas sinta-se à vontade para continuar e integrar alguma api que saber o cálculo de frete.

Então vamos ao que interessa, iniciaremos montando nosso modelo de resposta da API.

Uma coisa importante é entender quando iremos utilizar nuestros atributos como opcionais. Nesse caso todos os atributos serão opcionais, pois não temos o controle da API e não conseguimos garantir todos os retornos dos atributos.

Utilizamos o @SerializedName da lib GSON. A utilização ou não dessa biblioteca fica ao Seu critério, mas é semper bom lembrar a importância de serializar os atributos, para que os mesmos não se percam em uma possível of uscação.

Uhuul, já temos o nosso modelo pronto para receber a resposta da nossa API. Iremos agregando una camada de requisição, nesse ponto utilizaremos una biblioteca do retrofit como HTTP client, mas fique a vontade para utilizar o client de sua preferenciaência.

Agora já temos básicamente todo o fluxo da nossa requisição configurada. Mas ainda precisamos fazer a comunicação do que futuramente será nossa camada de Punto de entrada Do SDK com a nossa camada de rede.

Iremos então construir nossa camada de comunicação entre o punto de entrada ea requisição e assim efetivamente finalizar ofluxo de requisição, para una API de nossa.

Mire, temos nossa camada de comunicação entre o disparo do método ea resposta da API.

Estamos quase finalizando una construção do nosso SDK, e com isso já podemos notar algumas coisas. Os SDKs nada mais são do que pequeños módulos módulos embarcados nas aplicações, então por isso devemos tomar bastante cuidado com as Dependências que adicionamos dentro delas, pois as mesmas também passarão a plicaç

Devemos principalmente tomar cuidado comdependências de libs externas, que possam ser compartilhadas entre o SDK ea aplicação principal, como por exemplo:

Nesse caso, tanto o SDK quanto quem o implementa, precisarão ter a Dependência da biblioteca OkHttp3 adicionadas em seu projeto. Mass se por um acaso do destino a versão da biblioteca que o nosso SDK utiliza, conter recursos diferentes da versão que roda na aplicação principal, isso poderia ocasionar um CRASH!.

Então por isso é recomendado que se utiliza o mínimo posible de Dependências em SDKs e menos ainda Dependências compartilhadas.

Maaasss voltando ao nosso SDK, agora iremos criar o nosso Punto de entrada mundo. Essa classe irá expor os métodos que una aplicación principal terá acesso dentro de nosso SDK.

Estamos prontos para dominar o mundo, não pera. Estamos prontos para distribuir nosso SDK rs.

Para distribuir nosso SDK utilizaremos o maven + gitlab (paquete y registro). Na minha visão essa es una forma más fácil y rápida de desenvolver y publicar nossos artefatos.

Para isso, precisaremos usar o gitlab como ferramenta de versionamento do nosso código.

Feito isso, iremos adicionar as Dependências do maven no nosso build.gradle do projeto, e criar o Personal token api no gitlab.

Pararodar una tarea de publicação do maven basta ejecutar sin terminal o comando:

./gradlew publishLibraryPublicationToMavenRepository

Feito isso, basta navegar en una sección Package Registry para seu repositorio y admirar seu primeiro SDK publicado.

Com isso, terminamos nosso tempo together, espero que tenha gostado e que esse artigo possa ajudar.

Obrigard

LEER  Cómo integrar HUAWEI Push Plugin en Outsystems | por Mesutgedikk | Julio de 2021

Publicaciones relacionadas

Deja una respuesta

Tu dirección de correo electrónico no será publicada. Los campos obligatorios están marcados con *

Botón volver arriba